Vídeos

Mundo Político

O novo procurador-geral da República

30/11/2023

Nesta semana, após dois meses de espera, o presidente Lula indicou o vice-procurador-geral eleitoral Paulo Gonet para o comando da Procuradoria-Geral da União. Na avaliação do cientista político Fábio Kerche, o presidente pode ter pensado a indicação em pacote, incluindo a vaga para o Supremo Tribunal Federal. Com isso, o petista levou mais tento para encontrar o equilíbrio entre os diversos grupos de interesse. O professor da Unirio, em conversa com o jornalista Marco Antonio Soalheiro, do Mundo Político, aponta para o crescimento nos últimos anos da influência política do sistema judiciário, exigindo maior atenção dos políticos. Por isso, o presidente rompeu a tradição de escolher um nome da lista tríplice indicada pelos membro do MPF. Para Kerche, o indicado não deve enfrentar dificuldades para ser aprovado pelo Senado e que Gonet deverá ter uma atuação menos agressiva contra o governo. "Lula aprendeu com a experiência com Rodrigo Janot", lembra. Na entrevista, o cientista político também analisa os desafios do novo PGR, a baixa representatividade social no órgão e a necessidade de melhorar o controle externo.