Na reunião, foi destacado que, nos dez anos do projeto Impacto Esperança, milhões de livros foram distribuídos

ALMG homenageia projeto desenvolvido pela Igreja Adventista

Iniciativa que completa dez anos promove distribuição gratuita de livros que tratam da temática da esperança.

09/08/2016 - 10:42

Os dez anos do projeto Impacto Esperança, coordenado pela Igreja Adventista do Sétimo Dia e que promove a distribuição gratuita de livros cuja temática é a esperança, foram lembrados na noite desta segunda-feira (8/8/16), em uma Reunião Especial realizada pela Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), que homenageou a iniciativa.

Em seu pronunciamento, o deputado Léo Portela (PRB), que solicitou a homenagem, pontuou a missão da igreja comprometida com a mudança do homem, fazendo-o mudar por dentro e oferecendo-lhe um ambiente externo, ou seja, uma sociedade também transformada. "Assim é a Igreja Adventista do Sétimo Dia. Pois ao levar a boa nova do evangelho, a igreja se preocupa em transformar o homem por dentro. E através da sua ação social, através das obras transformadoras que exerce em todo o mundo, como o projeto Impacto Esperança, transforma também o ambiente no qual o homem está inserido", disse.

Segundo o parlamentar, nos dez anos do projeto Impacto Esperança, milhões de livros foram distribuídos, o que promoveu, na sua avaliação, um grande movimento de incentivo à leitura no Brasil e no mundo. "Só neste ano, mais de 1 milhão de exemplares de livros foram distribuídos e entregues nas mãos de pessoas que, certamente, receberam a oportunidade de serem transformadas por dentro, mas também de verem transformado o ambiente no qual estão inseridas. Assim é a Igreja Adventista do Sétimo Dia, não apenas pelo Projeto Impacto Esperança, mas por diversas ações que realiza pelo Estado, pelo Brasil e pelo mundo", afirmou.

O presidente da Igreja Adventista do Sétimo Dia, pastor José Marcos Nunes de Oliveira, considerou que em dez anos de projeto, realizado em todo o território da Igreja Adventista na América do Sul, ou seja, em oito países mais o Brasil, mais de 100 milhões de livros já foram entregues, o que ele considera como algo relevante. "Quero acreditar que é a primeira vez que uma assembleia legislativa promove uma sessão especial em homenagem a um feito histórico, visto que hoje no Brasil a porcentagem dos que se dedicam à leitura não é tão relevante como em outros países do mundo. Promover a leitura de livros que edificam a vida, que falam sobre saúde, sobre educação e acontecimentos vindouros, tudo isso, com certeza, colabora muito para que tenhamos uma sociedade mais justa e com mais esperança, como diz o nome Impacto Esperança", ressaltou.

Campanhas - A Igreja Adventista do Sétimo Dia foi organizada em 1863, nos Estados Unidos, e hoje está presente em 206 países. No mundo, existem cerca de 19 milhões de adventistas, sendo que aproximadamente 80 mil deles estão em Minas Gerais. A igreja também realiza campanhas de incentivo à doação de sangue, projetos de prevenção e combate à violência doméstica e coordena a Agência Adventista de Desenvolvimento e Recursos Assistenciais (Adra).