Voltar

LEI nº 800, de 03/07/1857

CONCEDE UMA MORATÓRIA DE DOZE ANOS AO CIDADÃO ARCANJO BORGES ABRANTES, FIADOR DO EX-COLETOR DE CAETÉ, ANTÔNIO DE SOUZA TELES GUIMARÃES, E CONTÉM OUTRAS DISPOSIÇÕES.
Origem LEGISLATIVO

Documentos