Deputados da Comissão de Participação Popular aprovaram o requerimento

Comissão quer debater ação da PM contra foliões em BH

Requerimento é motivado pelo episódio envolvendo o Bloco da Bicicletinha, mas audiência pode ser ampliada.

16/02/2016 - 17:54

A Comissão de Participação Popular da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) aprovou, nesta terça-feira (16/2/16), requerimento para a realização de audiência pública conjunta com a Comissão de Direitos Humanos. O objetivo é apurar denúncia de agressão da Polícia Militar de Minas Gerais (PM) a foliões do Bloco da Bicicletinha, em Belo Horizonte. Os autores são os presidentes das duas comissões, a deputada Marília Campos (PT) e o deputado Cristiano Silveira (PT), respectivamente.

O pedido para a audiência foi encaminhado à comissão pelo vereador de BH Pedro Patrus (PT). Segundo ele, os foliões foram “brutalmente agredidos”, numa “ação truculenta” durante desfile no 4 de fevereiro, no pré-carnaval na Capital mineira. O caso também repercutiu na imprensa.

Cristiano Silveira acrescentou que a Comissão de Direitos Humanos recebeu, no ano passado e também em 2016, diversas denúncias de uso excessivo de força pela PM em manifestações populares, como as do Tarifa Zero em BH e em Nova Lima, e em casos de desocupação urbana. Ele sugeriu que a audiência pública tenha como convidados representantes dessas organizações ou segmentos para que seja feito um debate unificado sobre a ação da PM.

Marília Campos reiterou que a PM mineira tem adotado essa postura não só em manifestações políticas, mas em qualquer movimento de ocupação do espaço urbano. “Isso contraria a política de outros estados, que é de chamar a população para os espaços públicos, e está na contramão da construção de uma cidade com mais qualidade de vida”, afirmou.

Consulte o resultado da reunião.