Programa da TV Assembleia discute drogas e criminalidade

A ligação entre drogas e criminalidade é o tema do Assembleia Debate desta semana. Produzido pela TV Assembleia, o pr...

15/07/2010 - 00:01
Assembleia Legislativa do Estado de Minas Gerais
 

Programa da TV Assembleia discute drogas e criminalidade

A ligação entre drogas e criminalidade é o tema do Assembleia Debate desta semana. Produzido pela TV Assembleia, o programa discute com políticos e especialistas os grandes temas de interesse do Estado e do cidadão. Os convidados desta vez são o coordenador de Inteligência do Departamento de Investigação Antidrogas da Polícia Civil, Rodrigo Ulhoa; o subsecretário de Estado de Políticas Antidrogas, Cloves Benevides; o coordenador do Centro de Estudos e Pesquisa em Segurança Pública da PUC Minas, Luís Flávio Sapori; e a diretora do Centro Mineiro de Toxicomania, Raquel Pinheiro. O programa da Assembleia Legislativa de Minas Gerais vai ao ar nesta sexta (16/7/10), às 21 horas; no sábado (17), às 22h30; e no domingo (18), às 13 horas. Na Capital, a emissora é sintonizada através do canal 11 do sistema a cabo.

O tema do Assembleia Debate desta semana foi escolhido por causa do Fórum Técnico Segurança Pública: Drogas, criminalidade e violência, que o Legislativo mineiro promoverá no Plenário, entre 11 e 13 de agosto. As inscrições para o evento, gratuitas, começam nesta segunda-feira (19) e podem ser feitas até o dia 3 de agosto, pelo site www.almg.gov.br, bastando clicar no ícone, no alto da página. Mais informações sobre as inscrições podem ser obtidas no Centro de Atendimento ao Cidadão (CAC), pelo telefone (31) 2108-7800; pelo e-mail: cac@almg.gov.br; ou pessoalmente (Rua Rodrigues Caldas, 30, bairro Santo Agostinho - Belo Horizonte), das 8 às 18 horas. A inscrição também pode ser feita pessoalmente no CAC ou por fax, solicitando a ficha de inscrição pelo telefone (31) 2108-7800. As vagas são limitadas.

Saiba mais - O fórum técnico é uma parceria da ALMG com 67 instituições e entidades. Entre os objetivos do evento estão: avaliar os desafios impostos pela criminalidade, em especial pelo crime organizado e pelo tráfico de drogas; discutir as políticas de prevenção à criminalidade e ao uso de drogas; e avaliar as políticas públicas de tratamento da dependência química, bem como a vitimização de grupos sociais vulneráveis às diversas formas de violência. As 20 audiências públicas promovidas pela Comissão de Segurança Pública da Assembleia na Capital e no interior, em 2009 e neste ano, são consideradas a etapa de interiorização do evento.

 

 

Responsável pela informação: Assessoria de Comunicação - www.almg.gov.br

Rua Rodrigues Caldas,30 :: Bairro Santo Agostinho :: CEP 30190 921 :: Belo Horizonte :: MG :: Brasil :: Telefone (31) 2108 7715