Denúncias de violação de direitos pela Diagonal motivam audiência

A possível violação dos direitos dos funcionários da empresa Diagonal, que presta serviços terceirizados para a Assem...

19/05/2010 - 00:01
Assembleia Legislativa do Estado de Minas Gerais
 

Denúncias de violação de direitos pela Diagonal motivam audiência

A possível violação dos direitos dos funcionários da empresa Diagonal, que presta serviços terceirizados para a Assembleia Legislativa de Minas Gerais, será esclarecida em audiência pública da Comissão do Trabalho, da Previdência e da Ação Social. Na reunião da comissão desta quarta-feira (19/5/10), foi aprovado requerimento dos deputados Sargento Rodrigues (PDT) e Carlin Moura (PCdoB), que têm recebido várias denúncias de descumprimento de cláusulas contratuais, como os atrasos recorrentes nos pagamentos dos funcionários de serviços gerais.

Para a reunião, o deputado Sargento Rodrigues sugeriu que fossem convidados a procuradora-chefe do Ministério Público do Trabalho, Elaine Noronha Nassif; a sócia-proprietária da Diagonal, Rose Rayett; o diretor-geral da ALMG, Eduardo Vieira Moreira; e o procurador-geral adjunto da ALMG, Maurício da Cunha Peixoto; além de representantes da Superintendência Regional do Trabalho e Emprego, da Previdência Social e do Sindicato dos Empregados em Edifícios e Condomínios e Empresas de Prestação de Serviço em Asseio, Conservação, Higienização, Desinsetização, Portaria, Vigia e dos Cabineiros de Belo Horizonte (Sindeac).

Durante a reunião também foram votadas proposições que dispensam a apreciação do Plenário.

Presenças - Deputados Walter Tosta (PMN), vice-presidente; Elmiro Nascimento (DEM), Sargento Rodrigues (PDT) e Carlin Moura (PCdoB).

 

 

Responsável pela informação: Assessoria de Comunicação - www.almg.gov.br

Rua Rodrigues Caldas,30 :: Bairro Santo Agostinho :: CEP 30190 921 :: Belo Horizonte :: MG :: Brasil :: Telefone (31) 2108 7715