Participação Popular discute na 2ª situação de índios no Brasil

Atendendo a requerimento de seu presidente, deputado André Quintão (PT), a Comissão de Participação Popular da Assemb...

15/04/2010 - 00:01
Assembleia Legislativa do Estado de Minas Gerais
 

Participação Popular discute na 2ª situação de índios no Brasil

Atendendo a requerimento de seu presidente, deputado André Quintão (PT), a Comissão de Participação Popular da Assembleia Legislativa de Minas Gerais realiza, nesta segunda-feira (19/4/10), quando se comemora o Dia do Índio, uma audiência pública na qual será feito um balanço das ações públicas voltadas para os povos indígenas em 2009. Além disso, a reunião tem o objetivo de explicitar os planos de ação para 2010 previstos pelos governos Federal e Estadual. O encontro será às 9 horas, no Auditório da ALMG.

De acordo com a Fundação Nacional do Índio (Funai), 460 mil índios vivem hoje no Brasil, distribuídos entre 225 tribos. Esse número equivale a 0,25% da população brasileira. Porém, estima-se que existam ainda entre 100 mil e 190 mil indígenas vivendo fora de aldeias, habitando inclusive áreas urbanas. Essa migração dos índios para as cidades, na avaliação da Organização das Nações Unidas (ONU), se deve a fatores como invasão de suas terras, guerras ou mesmo a busca por melhores condições e oportunidades. Porém, diante das dificuldades encontradas, muitos passam a viver em favelas.

Em Minas, de acordo com levantamento elaborado pela Fundação Nacional de Saúde (Funasa) em 2006, vivem remanescentes das tribos Pataxó, Pankararu, Kaxixó, Krenak, Maxacali, Xacriabá e Avá-Canoeiro. Segundo o órgão, são cerca de 26.800 membros dessas sociedades indígenas habitando tanto em terras mineiras quanto de outros Estados.

Convidados - Secretário nacional de Segurança Alimentar e Nutricional, Crispim Moreira; presidente da Fundação Nacional do Índio (Funai), Márcio Augusto Freitas; subsecretária de Desenvolvimento da Educação Básica de Minas Gerais, Elizabete de Souza Santos; subsecretária de Direitos Humanos da Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedese), Maria Céres Spínola de Castro; procurador da República em Governador Valadares, Edilson Vitorelli Diniz Lima; coordenador regional substituto da Fundação Nacional de Saúde de Minas Gerais (Funasa/MG), Ronaldo Cerqueira Lima; e coordenador do Conselho dos Povos Indígenas de Minas Gerais (Copimig), Mesaque Silva de Jesus.

 

 

Responsável pela informação: Assessoria de Comunicação - www.almg.gov.br

Rua Rodrigues Caldas,30 :: Bairro Santo Agostinho :: CEP 30190 921 :: Belo Horizonte :: MG :: Brasil :: Telefone (31) 2108 7715