Municipalização da Colônia Santa Izabel vai ser discutida em reunião

A Comissão de Saúde da Assembléia discute, nesta quinta-feira (6/11/2003), às 9h30, no Plenarinho II, a proposta de m...

05/11/2003 - 19:36
 

Municipalização da Colônia Santa Izabel vai ser discutida em reunião

A Comissão de Saúde da Assembléia discute, nesta quinta-feira (6/11/2003), às 9h30, no Plenarinho II, a proposta de municipalização do Sanatório Santa Izabel, em Betim. Mais conhecida como Colônia Santa Izabel, a instituição foi fundada em dezembro de 1931, com o objetivo de abrigar e tratar portadores de hanseníase. Desde a época de sua fundação, a colônia vem sendo administrada pela Fundação Hospitalar de Minas Gerais (Fhemig), que atualmente divide essa tarefa com a Prefeitura de Betim. Abriga cerca de 3 mil pessoas, sendo 600 pacientes em tratamento e, o restante, ex-pacientes e familiares. Hoje ela é chamada de ex-colônia, porque a hansenísase pode ser tratada ambulatorialmente, não havendo necessidade da existência de pavilhões para o tratamento da doença.

A reunião será realizada atendendo a requerimento dos deputados Ricardo Duarte e Rogério Correia, ambos do PT. Foram convidados o presidente da Fhemig, Carlos Mosconi; o secretário municipal de Saúde de Betim, Flávio Moreira Matos; a coordenadora do Movimento de Reintegração das Pessoas Atingidas pela Hanseníase de Betim, Maria Francisca de Ávila; a coordenadora do Sind-Saúde de Betim, Berenice de Freitas Diniz; e o representante do Conselho Nacional de Saúde, Eni Carajá Filho.

 

 

 

 

Responsável pela informação: Assessoria de Comunicação - 31 - 3290 7715