Deputados ouvem secretários de Estado e produtores sobre Pró-Álcool

A viabilidade da retomada do Programa Pró-Álcool vai ser discutida pela Comissão de Política Agropecuária e Agroindus...

15/09/2003 - 14:37
 

Deputados ouvem secretários de Estado e produtores sobre Pró-Álcool

A viabilidade da retomada do Programa Pró-Álcool vai ser discutida pela Comissão de Política Agropecuária e Agroindustrial nesta terça-feira (16/9/2003), às 15 horas. Segundo o autor do requerimento para a realização da reunião, deputado Doutor Viana (PFL), o retorno do programa poderia contribuir para gerar empregos no campo e na cidade. O Pró-Álcool foi criado em 1975 e consistia em oferecer subsídios para os produtores do combustível, como forma de reduzir os gastos com a importação de petróleo. Com a queda nos preços do combustível, os carros movidos a álcool chegaram a representar 66% da frota nacional, em meados dos anos 80.

A redução do preço do petróleo, no entanto, levou ao crescimento da produção de carros a gasolina. Atualmente, com o preço do álcool a R$ 1,28, os carros a gasolina representam 99% da frota nacional. Mesmo assim, o Brasil ainda é o maior produtor mundial de álcool, respondendo por 30% da produção global do combustível.

Convidados - Confirmaram presença na reunião o secretário de Estado da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Odelmo Leão; os presidentes da Faemg, Gilman Viana, e do Sindicato da Indústria do Álcool e Açúcar em Minas, Luiz Custódio Cotta Martins; e o coordenador-geral de Acompanhamento e Avaliação do Departamento de Açúcar e do Álcool do Ministério da Agricultura, José Nilton de Souza Vieira, representando o ministro Roberto Rodrigues. O secretário do Desenvolvimento Econômico, Wilson Brumer, enviará um representante cujo nome ainda não foi confirmado. Já o presidente da Fiat, Alberto Ghiglieno, não participará da reunião nem confirmou o envio de um representante. A reunião acontece no Plenarinho III.

 

 

 

Responsável pela informação: Assessoria de Comunicação - 31 - 3290 7715