Comissão de Saúde rejeita moções de repúdio sobre aborto

Foram rejeitados pela Comissão de Saúde, nesta terça-feira (10/12/2002), os requerimentos 3.520/2002 e 3.521/2002, do...

10/12/2002 - 17:00
 

Comissão de Saúde rejeita moções de repúdio sobre aborto

Foram rejeitados pela Comissão de Saúde, nesta terça-feira (10/12/2002), os requerimentos 3.520/2002 e 3.521/2002, do deputado Miguel Martini (PSB), que solicitam manifestação de repúdio à Secretaria Municipal de Saúde e ao Conselho Municipal de Saúde, respectivamente, pela realização da Campanha 28 de Setembro - Dia de Luta pela Descriminação do Aborto na América Latina e Caribe.

O deputado Adelmo Carneiro Leão (PT) declarou que não é papel da Comissão de Saúde fazer uma manifestação de repúdio a esses órgãos e considera que essa deve ser uma ação individual do autor do requerimento. Na opinião do parlamentar, a comissão deve promover uma discussão mais ampla sobre o aborto, a fim de que a questão seja aprofundada e se crie uma alternativa melhor para se combater o crime. O deputado Bené Guedes (PDT) também se manifestou contrário à aprovação do requerimento (PDT), endossando a sugestão de realização de um debate sobre o tema.

Durante a reunião, ainda foram aprovadas quatro proposições que dispensam a apreciação do Plenário.

Presenças - Participaram da reunião os deputados Cristiano Canêdo (PTB), presidente da Comissão; Adelmo Carneiro Leão (PT) e Bené Guedes (PDT).

 

 

 

Responsável pela informação: Assessoria de Comunicação - 31 - 3290 7715