Em homenagem na ALMG, escritório mineiro celebrou 20 anos de fundação

ALMG homenageia escritório de advocacia Tostes & de Paula

Reunião Especial de Plenário da noite desta segunda-feira (12) reuniu sócios, clientes e parceiros do escritório.

13/09/2016 - 11:19

Na noite desta segunda-feira (12/9/16), a Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) homenageou, em Reunião Especial de Plenário, o escritório de advocacia Tostes & de Paula Advocacia Empresarial pelos 20 anos de sua fundação. A solenidade, que reuniu sócios, clientes e parceiros do escritório, foi requerida pelo deputado Fred Costa (PEN).

Em sua fala, o deputado salientou que o caminho traçado pelo escritório ao longo dessas duas décadas “é coroado de êxito”. Segundo ele, um escritório que se sobrepôs a inúmeras crises financeiras “com competência, organização, planejamento e que hoje se tornou um dos cinco maiores do Estado de Minas Gerais e, para orgulho de nós, mineiros, um dos 50 maiores do Brasil”.

Citou ainda ações do escritório voltadas a servir à coletividade, como conseguir evitar uma praça de pedágio entre Belo Horizonte e Nova Lima (Região Metropolitana de Belo Horizonte). “Ser homenageado é meritório, mas merecer a homenagem não é para todos”, disse.

Um dos sócios-fundadores do escritório, Gustavo Henrique Wykrota Tostes, afirmou que a noite da homenagem foi plena de significado para a Tostes & de Paula, que “pode ser resumida com duas palavras tão singelas quanto emblemáticas: agradecimento e alegria”. 

“Temos hoje imensa satisfação de reunir sócios, colaboradores, clientes, parceiros, fornecedores, amigos e parentes para celebrar os 20 anos de fundação da nossa sociedade de advogados. Nenhum sentido faria ou teria a comemoração sem a presença de todos e de cada um em particular”, destacou Tostes.

Para ele, a celebração tem um caráter muito especial, já que significa o compromisso com uma causa e uma missão, com valores que dão sentido à existência da sociedade de advogados, desde sua fundação em 1996, "e que perduram até hoje e certamente prosseguirão no futuro".