Notícias Rss

Objetivo do PL 2.038/15 é valorizar o tradicional evento realizado na cidade histórica mineira
Objetivo do PL 2.038/15 é valorizar o tradicional evento realizado na cidade histórica mineira - Foto: Pollyanna Maliniak
01/12/2016 17h50

Projetos de reconhecimento cultural podem voltar ao Plenário

Vesperata, gastronomia e música estão entre manifestações que podem se tornar patrimônio do Estado.

Compartilhe:
Twitter Facebook
Email Versão para impressão

A Vesperata de Diamantina (Vale do Jequitinhonha) está mais perto de se tornar patrimônio cultural do Estado. A proposta, prevista no Projeto de Lei (PL) 2.038/15, recebeu parecer favorável da Comissão de Cultura nesta quinta-feira (1º/12/16) e já pode voltar ao Plenário da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) para votação em 2º turno.

De autoria do deputado Carlos Pimenta (PDT), o projeto tem o objetivo de valorizar o tradicional evento realizado na cidade histórica, onde os músicos se apresentam das janelas dos casarões e os maestros na rua, no meio da plateia. A comissão acatou o parecer pela aprovação do projeto da forma como aprovado em 1º turno (vencido).

Outros patrimônios do Estado

Na mesma reunião, também receberam pareceres de 2° turno pela aprovação outros seis projetos de lei que tratam do reconhecimento, como patrimônio do Estado, de diversas manifestações de Minas, nas áreas da culinária, da música e do artesanato. São eles:

Projeto  Autor  Patrimônio
450/15  deputado Cabo Júlio (PMDB)  Banda Sinfônica do Corpo de Bombeiros
784/15  deputado Cabo Júlio  Orquestra Sinfônica da Polícia Militar
2.037/17  deputado Carlos Pimenta   Festa Nacional do Biscoito de Japonvar (Norte de Minas)
2.130/15  deputado Ulysses Gomes (PT)  Tricô de Monte Sião (Sul de Minas)
1.615/15  deputado Agostinho Patrus Filho (PV)  Ofício das quitandeiras
2.761/15  deputado Agostinho Patrus Filho  Gastronomia mineira

Consulte o resultado da reunião.


Tópicos:
Últimas Notícias

Notícias

24/03/2017

Reforma trabalhista é alvo de críticas em debate na ALMG

Especialista alerta para os perigos escondidos em proposta do governo federal que tramita na Câmara dos Deputados.

24/03/2017

Secretaria de Desenvolvimento Agrário receberá homenagem

Reunião Especial de Plenário nesta segunda-feira (24) comemora dois anos de criação da pasta.

23/03/2017

Deputados querem debater projeto de assistência estudantil

Comissão de Participação Popular também vai discutir a importância de uma política voltada aos atingidos por barragens.

23/03/2017

Reforma trabalhista é tema de debate nesta sexta-feira (24)

ALMG e Câmara dos Deputados promovem evento para discutir impactos de mudanças propostas na CLT.

24/03/2017 Definidos líderes e vice-líderes na ALMG
Seu browser não suporta flash player
00:00:00 | Download (2454kb)

24/03/2017 Parlamentares e sindicalistas criticam proposta de reforma trabalhista
Seu browser não suporta flash player
00:03:44 | Download (3507kb)
facebook facebook
Carregando Carregando posts...
Twitter Twitter
Twitter

Infográficos

Em 5 de novembro de 2015, o rompimento da barragem de rejeitos da Samarco destruiu o povoado de Bento Rodrigues, matou 19 pessoas e poluiu o Rio Doce com metais pesados.